Notícias

Sindicato apresenta nesta quarta a “Carta de Parecis”

publicado em 29 de março de 2022

Solenidade de abertura da maior feira tecnológica de Mato Grosso começa às 9h. Programação inclui ainda palestras e feira comercial 

Mudanças climáticas, mercado de carbono, agricultura em território indígena e pleitos políticos compõem a pauta da Parecis SuperAgro 2022 nesta quarta-feira (30). Os portões da maior feira agrotecnológica de Mato Grosso foram abertos ontem (29), mas a solenidade oficial de abertura ocorre nesta quarta, às 9h.  

Na ocasião, o Sindicato Rural apresenta sua “Carta de Parecis”, um documento com reivindicações e sugestões de ações em diversos setores para o Poder Público em todas as esferas – municipal, estadual e federal. Além disso, será divulgado um estudo de regularização ambiental de atividade agrícola em um território indígena.  

“Há vários anos, a etnia Paresi tem nos procurado para investir na produção de grãos em seu território. Temos interesse em apoiar técnica e institucionalmente, mas é preciso o aval da Funai e de todos os órgãos envolvidos”, observa o presidente do Sindicato Rural de Campo Novo do Parecis, Bruno Giacomet.  

Realizador do evento, o sindicato reuniu cerca de 150 expositores de produtos e serviços agropecuários na Parecis SuperAgro 2022 e projeta um público de 5 mil pessoas por dia. 

A programação da manhã segue com a entrega do troféu Armando Brolio. Em sua primeira edição, a homenagem destacará pessoas de Campo Novo do Parecis que foram eleitas por voto ao longo de 2021 como destaque em suas áreas de atuação. 

À tarde, às 15h, a Parecis SuperAgro recebe o palestrante Rodrigo Lima (Agroícone), em uma programação da Aprosoja-MT. O tema será “Agropecuária, mudanças do clima e mercado de carbono”. Em seguida, às 17h, a produção de etanol de milho vir assunto, quando a FS Bioenergia mostrará como têm sido os últimos cinco anos de investimento em Mato Grosso. 

 

Leilão com 100% de liquidez 

No último domingo (27), foi realizado o Leilão Virtual Parecis SuperAgro, uma parceria entre o Sindicato Rural de Campo Novo do Parecis e a Estância Bahia Leilões, com 100% de liquidez. Foram ofertados 6 mil animais de corte para cria, recria e engorda oriundos dos municípios de Campo Novo do Parecis, Campos de Júlio, Juina, Brasnorte, Porto Estrela e Barra do Bugres. 

Foram 4 mil machos leiloados, registrando valor médio de venda por cabeça de R$ 3.503,00, e um volume de 2 mil fêmeas a uma média de R$ 4.133,00 por cabeça. 

Documento sem título